top of page
Porto Seguro

Porto Seguro

Lindas praias, história, cultura e badalação.

0 visualização

0 curtida

0 comentário

Porto Seguro

Conheça Porto Seguro, lindas praias, história, cultura e badalação!

 

Pode-se afirmar que Porto Seguro é um destino completo, já que a cidade oferece tudo o que qualquer turista necessita para ser feliz. Isso se dá, primeiramente, pelas suas riquezas naturais, já que o município possui 85 km de um lindo litoral e praias que estão entre as mais belas do Brasil. 

 

Mas também é preciso destacar sua pluralidade e organização, a começar pela grande diversidade de hospedagens, com hotéis e pousadas de todos os estilos e para todos os bolsos. 

 

Para quem busca badalação, Porto Seguro é a meca, sua orla urbana dispõe de algumas das mais famosas barracas de praia do Brasil. São verdadeiras casas de show na praia, animando os dias e também as noites da cidade.

 

Além de lindas praias e muita festa o ano inteiro, a cidade é reduto da etnia Pataxó e suas aldeias costumam receber visitantes para o turismo de experiência cultural, uma grande riqueza que deve se somar a passeios pelo centro histórico, repleto de monumentos que guardam muito da história dos primórdios do Brasil Colônia.

 

Um pouco da história de Porto Seguro

 

O primeiro desembarque português em terras tupiniquins ocorreu no atual litoral de Prado, região que pouco depois foi englobada como parte da Capitania Hereditária de Porto Seguro.

 

No dia 22 de abril de 1500, segundo a carta de Pero Vaz de Caminha, a esquadra de Cabral avistou o Monte Pascoal e no dia seguinte, nas imediações da Barra do Cahy, o capitão Nicolau Coelho desembarcou em um esquife e foi recebido pacificamente por tupiniquins.

 

Em 24 de abril, a expedição fez vela ao norte em busca de um local mais seguro para aportar, encontrando um recife com um porto dentro, local que logo chamariam “Porto Seguro”.

 

Ao raiar do dia 25 de abril, seguiram viagem mais ao norte e ancoraram numa baía em frente à praia, hoje conhecida como Baía de Cabrália. 

 

No domingo de Páscoa, dia 26 de abril de 1500, desembarcaram na terra hoje conhecida como Coroa Vermelha,  praia de Santa Cruz de Cabrália. O Capitão-mor mandou armar um altar coberto com um dossel de pano, onde o Frei Henrique de Coimbra rezou a primeira missa.

 

Ali permaneceram até 2 de maio, quando rumaram para a Índia, deixando dois degredados e dois grumetes desertores. Estava iniciada a ocupação da Bahia e do Brasil pelos portugueses.

 

Por volta de 1516, chegaram a Porto Seguro dois missionários franciscanos vindos de Portugal, e foram eles que construíram a primeira igreja do Brasil localizada no Outeiro da Glória, possibilitando o aparecimento, em seu sopé, da primitiva Aldeia de Santa Cruz. Atualmente o local é um condomínio de casas que preserva o sítio arqueológico onde se encontram as ruínas da primeira igreja.

 

Em 1526, Cristóvão Jacques comandou a esquadra guarda-costas que fundou uma feitoria em Porto Seguro e lá deixou edificado um fortim para defesa. As ruínas deste fortim se encontram no centro histórico da cidade. 

 

Com a criação da Capitania de Porto Seguro em 1534, o donatário Pero do Campo Tourinho mandou fundar, no mesmo ano, a Vila de N. S. da Pena, atual centro histórico de Porto Seguro. Em 1535, transferiu a antiga Aldeia de Santa Cruz para o local onde hoje está situado o centro histórico da cidade vizinha de Santa Cruz de Cabrália.

 

Os jesuítas estabeleceram-se na região em 1549, fundando residências como a do Salvador, em Porto Seguro, e aldeias como a de Ajuda (Arraial D’ajuda), São João dos Índios (Trancoso) e Santo André (atual distrito de Santa Cruz de Cabrália).

 

Dentre tantas e tantas histórias sobre a região que não cabem neste texto, a Capitania de Porto Seguro sofreu com ataques indígenas por mais de três séculos, especialmente dos aimorés, fazendo com que a capitania não prosperasse. Somente no séc. XIX, a região encontrou algum desenvolvimento e no final do séc. XX, se transformou num dos centros turísticos mais importantes do Brasil.

 

Entenda a estrutura de Porto Seguro

 

Porto Seguro possui aproximadamente mil hospedagens, dentre hotéis e pousadas. É um dos maiores centros turísticos do país e oferece uma infinidade de passeios para todos os gostos: culturais, históricos, de badalação e principalmente praianos, levando aproximadamente 2 milhões de turistas anualmente às suas praias e distritos, incluindo os famosos Arraial D’ajuda, Trancoso, Praia do Espelho e Caraíva.

 

Em geral, rolam por lá passeios de quadriciclo, barco à vela, escuna, lancha, mergulhos de batismo e credenciado, além de passeios a aldeias pataxós, ao Parque Marinho Recife de Fora, dentre outros.

 

Quanto aos restaurantes, a cidade possui ótimas opções, quase todos localizados na Passarela do Descobrimento, lugar muito charmoso, repleto de casinhas e casarões coloniais coloridos e onde rola muito agito noturno, com bares e lojinhas de artesanatos belíssimos.

 

Porto Seguro também dispõe de um aeroporto, o portal de entrada para todos os que desejam conhecer as belezas no litoral sul da Bahia.

 

Bem, já deu pra sentir um gostinho do que este destino tem para oferecer, não é mesmo? Realize então o seu sonho no melhor estilo, conheça Porto Seguro com a Bahia Terra Turismo!

 

Translados em Porto Seguro – contrate online!

 

A grande Porto Seguro abrange diversos paraísos como Arraial d'Ajuda, Trancoso, Praia do Espelho e Caraíva, além de outros municípios igualmente bem servidos de belas praias, tais como Prado e as belas Corumbau e Cumuruxatiba.

 

Geralmente é Porto Seguro o ponto de partida para os que vão até o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos e seja qual for o seu destino no extremo sul baiano, conte com os transfers da Bahia Terra Turismo e viaje com muito mais conforto e segurança!

Fotos

Conheça mais sobre

Chapada Diamantina

bottom of page