top of page
Open Site Navigation

O Vale do Pati, na Chapada Diamantina, Bahia, é uma parada obrigatória para quem está na região e tem tempo para aproveitá-la. Além disso, é a escolha perfeita para os amantes de trekking que procuram belezas indescritíveis e pontos de total conexão com a natureza.

Embora o acesso à região não seja realmente um dos mais simples, o Vale do Pati é um local que realmente desafia o turista, sendo perfeito para quem gosta de atividades físicas mais intensas e da exploração de áreas remotas.

E agora que você já sabe dessas informações iniciais, continue a leitura e saiba mais sobre esse paraíso incrível!

Onde fica o Vale do Pati na Chapada Diamantina?

Antes de mais nada, precisamos falar sobre a localização do Vale do Pati. Entre tantas belezas naturais e atrações incríveis do Parque Nacional da Chapada Diamantina, existem três acessos principais para se adentrar por entre as matas e trilhas que cercam o vale. Nesse caso, citaremos Guiné, Vale do Capão e Andaraí.

Em resumo, o Beco do Guiné, no município de Mucugê, é o mais famoso deles e o preferido de quem visita o Vale do Pati. Os outros acessos são o Bomba, localizado no Vale do Capão, e a Ladeira do Império, que está em Andaraí.

Não existe um ponto certo para começar a exploração. De certa forma, isso dependerá do guia e do tempo disponível para aproveitar o turismo de aventura da região, sendo que as rotas podem variar entre 3 a 5 dias.

Além disso, se você resolver fazer o passeio sem guia turístico — o que pode ser extremamente perigoso para quem não conhece a região ou não tem experiência com trilhas —, pode optar por procurar um transfer para te levar até os pontos mencionados, uma vez que as estradas são relativamente boas.

5 pontos turísticos imperdíveis no trekking Vale do Pati

O trekking do Vale do Pati pode ser considerado um dos mais interessantes do Brasil, especialmente quando levamos em consideração a sua intensidade e profundidade. Além da experiência de vivenciar dias em um local diferente, com cultura diferente, sem acesso a Internet, ainda existem belíssimas paisagens naturais que dificilmente o turista poderá encontrar igual.

Entre as mais famosas das atrações, podemos citar algumas, na lista abaixo.

1. Mirante e Rampa do Pati

Para quem parte na trilha do Pati a partir de Guiné, normalmente essa é a primeira atração de contemplação, sendo possível, inclusive, fazer o passeio em um bate e volta que exige coragem e esforço físico.

Por lá, é possível ter noção da imensidão da área, onde pode-se observar toda a vegetação que forma uma linda paisagem ao redor, sendo também um ótimo ponto para lanches.

2. Gerais do Rio Preto

Gerais do Rio Preto fica um pouco antes do Mirante descrito acima, sendo possível curtir ambas as possibilidades em um único dia.

Caso você tenha mais tempo, a depender da s